/ 2º trimestre 2018

E SORRIO, CLARO.

 

A Mistura Singular é uma empresa de gestão. Quero com isso dizer que é uma equipa que se dedica à gestão de empresas. Não em regime de consultadoria, de curto-prazo, mas sim em compromissos de gestão executiva e de médio/longo prazo.

Não fatura à peça, como se costuma dizer, mas sim em função do valor acrescentado. Assumimos um propósito muito atrevido que é ganhar se o nosso parceiro também ganhar. 

É simples.

 

Depois destes anos todos, e eu já levo quase 25 anos de gestão, temos tido casos de sucesso e insucesso. Normal. É a vida. O importante é que o balanço seja positivo e, claro, se por cá andamos é bom sinal e, ainda assim, se a credibilidade não está beliscada, melhor ainda.

De facto, é uma preocupação que temos. Saber perder. Quando as coisas não saem como gostaríamos deve suceder duas coisas em simultâneo. Devemos não atirar as culpas para ninguém, saber sair do assunto com dignidade e, por outro lado, não fazer nada que leve a ética e as boas práticas a envergonharem-se de nós.

Pois é assim que temos vivido neste mundo de êxitos e contrariedades.

 

Uma coisa que sucede na vida das empresas é associar a sua marca, a sua imagem a uma missão, um desígnio.

É com alguma frequência que se tem associado a Mistura Singular a gestão de empresas em dificuldade. Implicitamente dizendo, se uma empresa tem a equipa da Mistura Singular como parceira então é porque passa mal.

Aceito. 

 

 

Aceito e com um sorriso na cara. E sorrio por três razões!

 

1. Se o mercado nos associa a questões de dificuldade isso é um sinal de vitalidade e capacidade pois, sem energia e know-how, não seria possível assumir tais desafios. Um sorriso para a equipa.

 

2. As empresas têm dificuldades, passam momentos maus, é cíclico e faz parte da economia. Em determinado momento os empresários têm de assumir mudanças de gestão, adotar novos comportamentos e novas práticas para saírem vitoriosos desses ciclos. É mérito dos empresários que souberam pedir ajuda e só os humildes, os empresários genuínos, o sabem fazer. E claro, turnaround concluído, passamos a estar em empresas bem-sucedidas. Por isso, o meu sorriso para esses líderes, porque eles existem.

 

3. Por fim, um facto, a equipa da Mistura Singular também está em parcerias cuja empresa não tinha nenhum problema económico ou financeiro. Teria questões de outra ordem, como organizacional, de liderança, de método de gestão, de sucessão, de perspetiva futura, de incerteza acionista, enfim, muitas outras razões. Fico feliz por isso, fico feliz por ver que Portugal tem boas empresas e empresários com bom-senso. Sorrio, portanto.

 

José Miguel Marques Mendes
CEO

 

UM COMPROMISSO DE GESTÃO

design by CLARABOIA.COM ®