/1º trimestre 2015

ATÉ PARECE UM SEGREDO BEM GUARDADO

Em gestão não há segredos. A gestão de empresas é um tema muito antigo, muito experienciado e, nos últimos anos, os programas de MBA e as escolas de gestão têm aprofundado muito a sua técnica. Todos os anos há centenas de profissionais que se formam em gestão e se tornam mais habilitados a gerir as dificuldades das empresas (são os MBAs).

As próprias empresas estão com melhores quadros e com maior potencial de gestão para encarar a competitividade dos mercados.

 

É por isso que considero não existirem segredos em gestão.

 

No entanto, se tudo fosse assente nos ensinamentos da vida então não teríamos tantas escolas de gestão a formar profissionais. E, por outro lado, se assentássemos o sucesso das empresas na contratação de  “MBAs”, então não teríamos empresas em dificuldade. E, ainda a somar a estas reflexões, podemo-nos questionar por que existem tantos “MBAs” desempregados? E se há tanto potencial de gestão e profissionais preparados, por que razão o sucesso do turnaround das empresas não é um dado adquirido?

 

A Mistura Singular, criada em 2012, é uma empresa que assenta a sua competência na gestão. Os seus quadros também tiveram formação em gestão e têm mais de uma década de experiência. É, portanto, uma empresa que assenta a sua atividade em algo bastante explorado (gestão de empresas), com quadros formados como muitos e com uma experiência que abunda no mercado. 

Aparentemente tem tudo para ser uma empresa banal. Não o é.

 

Na essência da sua atuação há particularidades que fazem dela uma empresa singular. A mistura destas particularidades é a sua diferenciação. A forma como lida com essas particularidades é o segredo, a alma do negócio.

 

Lidar com particularidades como a experiência pesada das pessoas, lidar com o entusiasmo de jovens em início de carreira, lidar com as dificuldades do seu quotidiano, lidar com o défice de liderança e de carisma, lidar com a desorganização do dia-a-dia e os excessos de informação, lidar com as decisões de corredor, lidar com a frustração e o desalento, lidar com os maus feitios e os feitios maus, lidar com os patrões e os arrogantes, lidar com os talentosos e os ousados, lidar com os humildes e os dedicados, lidar com os leais e servidores, lidar com as pessoas em geral e com a esperança em particular. Lidar!

O segredo é lidar com tudo isto e disto fazer a missão. O compromisso de gestão.

 

A gestão apreende-se mas tem de estar na alma. A liderança aprende-se mas tem de correr nas veias.

A junção das duas – lidar com a gestão – mais que um segredo é uma arte.

 

José Miguel Marques Mendes
CEO


 

UM COMPROMISSO DE GESTÃO

design by CLARABOIA.COM ®